Ecoponto para recolha e valorização de máscaras

No passado dia 13, com a colaboração do Município de Guimarães, foi colocado um ecoponto na escola sede onde devem ser depositadas máscaras tendo em vista a sua valorização. As máscaras e outro material de proteção contra a pandemia devem ser colocados em ecopontos próprios ou no lixo comum e nunca nos ecopontos de reciclagem.

Esta iniciativa decorre no âmbito do projeto «Recolher e Valorizar», através da recolha de máscaras em contexto escolar e a sua valorização em novos produtos. Este é um projeto integrado, agregador e multidisciplinar que também engloba a empresa To-Be-Green e o CVR - Centro para a Valorização de Resíduos, que terão a responsabilidade de, a partir das máscaras recolhidas, criar novos produtos feitos à base de fibras têxteis ou valorizá-las em placas poliméricas e briquetes.

 

 

Concurso de fotografia 'ECOfoto'

Este concurso (de periodicidade mensal) é uma iniciativa da equipa do Eco Parlamento do Agrupamento Fernando Távora, sendo que dela faz parte a Biblioteca Escolar (BE).

Consulta o regulamento aqui.

 

Eco-escolas

O Eco-Escolas é um Programa de Educação para o Desenvolvimento Sustentável promovido em Portugal pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE), secção portuguesa da Fundação de Educação Ambiental (FEE).

Desenvolvido em Portugal desde 1996, o Programa Eco-Escolas é atualmente implementado em mais de 1500 escolas e de 230 concelhos em todo o território nacional, abrangendo todos os graus de ensino.

Visa a disseminação de uma metodologia de abordagem das questões ambientais inspirada na Agenda 21.

 

Mais informação: https://ecoescolas.abae.pt/sobre/quem-somos/

 

TEIP