Bookmaker artbetting.co.uk - Bet365 review by ArtBetting.co.uk

Bookmaker artbetting.gr - Bet365 review by ArtBetting.gr

Germany bookmaker bet365 review by ArtBetting.de

Premium bigtheme.net by bigtheme.org

Escola Digital

BE Maio 26, 2021 0
Escola Digital
Escola Digital
Agrupamento de Escolas Fernando Távora entrega computadores a alunos carenciados.
O Ministério da Educação já começou a enviar às escolas os computadores, hotspots de internet, mochilas e headphones que estão a ser disponibilizados aos alunos carenciados.
Foram definidos três tipos de computadores para os alunos, ajustados às necessidades de utilização expectável de cada nível educativo em contexto de aprendizagem.
Este procedimento é uma das medidas do Plano de Ação para a Transição Digital, que se traduz na entrega de computadores e kits de ligação à internet, assim como mochilas e acessórios, a alunos dos vários graus de ensino que ficam assim “equipados” para responder às novas necessidades tecnológicas. O programa Escola Digital tem como objetivo principal garantir o acesso de todos os alunos do país a equipamentos informáticos com ligação à internet e a recursos pedagógicos digitais.
O procedimento prevê que estes equipamentos são cedidos a título de empréstimo e os encarregados de educação, ou alunos maiores de idade, têm de assinar um Auto de Entrega e responsabilização pela manutenção do equipamento. Existe a obrigação de restituição, na data de conclusão do ciclo de estudos que o aluno frequenta no momento da cedência.
O programa Escola Digital, integra o Plano de Ação para a Transição Digital, está assente em quatro áreas, que são os equipamentos, conetividade, capacitação dos professores e recursos pedagógicos digitais.
O Ministério da Educação garante que mais 335 mil computadores chegaram às escolas até março.
No âmbito do programa está a decorrer a formação de professores e a digitalização dos manuais escolares, completando uma estratégia que pretende reforçar um ensino com mais recurso às ferramentas eletrónicas.
Apesar de o ensino a distância ter sido uma tendência em pleno confinamento um pouco por todo o mundo, a solução passa por aproveitar o “melhor dos dois mundos”.
O futuro do ensino não poderá ser 100% online ou offline, até porque não se ensina “empatia” e não se aprende e faz socialização de qualidade através do digital.
Desejamos que este programa seja mais uma oportunidade para uma educação mais estimulante no processo de transformação da Escola.

-->

Deixe um comentário »