Bookmaker artbetting.co.uk - Bet365 review by ArtBetting.co.uk

Bookmaker artbetting.gr - Bet365 review by ArtBetting.gr

Germany bookmaker bet365 review by ArtBetting.de

Premium bigtheme.net by bigtheme.org

Alunos do 6º ano visitaram Lisboa

BE Junho 24, 2018 0
Alunos do 6º ano visitaram Lisboa

Alunos do 6º ano visitaram Lisboa

Os alunos do sexto ano desta Comunidade Educativa nos dias dezassete e dezoito de maio rumaram à capital para viverem a mais estimulante aventura das suas vidas. Foram dois dias inesquecíveis, dias que perdurarão na memória destes jovens e marcarão sua vida para a posteridade. As professoras Eduarda Fernandes e Idalina Carvalho tiveram o dom e a responsabilidade de organizar e dar cor e vida a esta viagem de sonho.
O sol começava a romper por detrás das montanhas e nas ruas de Fermentões era uma verdadeira roda-viva. Havia pais desassossegados, alunos estremunhados, mas entusiasmados e professores atarefados. A camionete abria as portas, os alunos acomodavam-se, o condutor organizava as bagageiras, muitos sorrisos nervosos, beijos ansiosos, as últimas recomendações, era tempo de partir pois, façanhas maiores se desenhavam, desejavam e aguardavam.
A viagem decorreu sem sobressaltos, havendo momentos de alguma exaltação. Com muita alegria se marcou a passagem pelo Estádio do Dragão, pelo aeroporto, pelo Estádio Alvalade XXI. Os nomes das terras eram pronunciados e muitas perguntas, muitos comentários e sempre aquela frase: “estamos a chegar?”. Os “conquistadores” tinham como primeiro destino o Jardim Zoológico. Cerca do das onze e quinze chegaram e rapidamente entraram. Os corações fervilhavam, havia sorrisos nervosos mas bonitos, havia muita curiosidade. Tinham tanto para ver, para ouvir, para sentir, para comentar, para perguntar e para explicar. Tudo era extraordinário, bonito, invulgar e diferente. Em passo de corrida fomos assistir aquele momento muito desejado, e muito esperado. O espetáculo dos lobos-marinhos e dos golfinhos. Momento espetacular. Uma delícia observar o rosto destas crianças.
O comboio a todos transportou e deu uma panorâmica excelente de todo o Jardim Zoológico.
Entretanto, eram horas de dar aconchego a estómagos famintos. Apetitosos petiscos com muito carinho preparados por esmeradas mães saíam dos sacos e deliciavam todos estes jovens.
Mas a aventura estava no seu início. Seguidamente rumamos ao Mosteiro dos Jerónimos onde se entrou e se verificou a monumentalidade e se teve vontade de dialogar com o poeta maior, Luís de Camões, ou com o corajoso navegador Vasco da Gama. Passeou-se pela baixa lisboeta viu-se no Centro Cultural de Belém e fez-se a aproximação ao rio Tejo. Visitou-se o Padrão dos Descobrimentos, a Torre de Belém e, depois de um belo passeio junto ao majestoso rio, o sol mergulhava lentamente no horizonte e estava na hora de rumar para a pousada. Passou-se pelo palácio de Belém, casa do Presidente da República, e atravessámos a Ponte 25 de Abril com o Cristo Rei a receber-nos de braços abertos em Almada.
O alvoroço estava instalado, as espectativas eram enormes, o desejo de chegar e conhecer a pousada era imenso. Esta não defraudou e o espanto estava espelhado nas reações, nos comentários e nas expressões. A paisagem era surpreendente… O rio, a ponte, o pôr-do-sol e toda a cidade de Lisboa davam cor e luz criando um quadro perfeito. Hora de organizar, arrumar e preparar para o jantar. O entusiasmo era grande e foi enorme até bastante tarde!!!
Pelas sete e meia da manhã os despertadores apanharam toda a gente desprevenida, provocando muitas correrias. Seguiu-se o pequeno-almoço e o trânsito. Tudo tão perto e tão longe!!!
A Fundação Calouste Gulbenkian ocupou a parte da manhã. E valeu a pena. O espólio é interessantíssimo e riquíssimo. As atividades a que este espaço se dedica passam pelas artes, ciência, educação, saúde, desenvolvimento humano e assuntos globais. Os alunos brilharam no comportamento e no conhecimento.
Seguiu-se o almoço na Escola Vasco da Gama e a tarde começou no Museu do Azulejo. Um museu fantástico e mais uma vez os alunos surpreenderam pela positiva.
O novo Museu dos Coches brindou-nos com um espólio de valor e beleza incalculável e indescritível.
O Parque das nações seria o último apeadeiro em Lisboa. E aqui, o Oceanário apresentou-se imponente, majestoso. Os oceanos deram-se a conhecer numa visita inesquecível à sua vida marinha. Foi extraordinário.
Os jovens alunos cansados compraram suas últimas lembranças. As emoções, e as vivências esgotavam as últimas energias. Todos deram o máximo, pois era importante fruir e viver cada instante, cada lugar e cada informação. Era, ainda, hora do lanche. Foi gratificante ouvir os alunos referir que tinham sido dois dias muito felizes das suas vidas, o que é revelador da participação comprometida, interessada e do grau de contentamento, de prazer e a alegria que a visita lhes proporcionou.
Os professores tinham o sentimento do dever cumprido e deixaram uma palavra de agradecimento aos pais e encarregados de educação pelo esforço que realizaram para possibilitar aos seus filhos/educandos este dia que será, claramente, para sempre recordar.
Mais uma vez, está de parabéns a equipa que transformou este pequeno sonho numa grande realidade. A Comunidade Educativa agradece.
Valdir Teixeira


-->

Deixe um comentário »